terça-feira, 21 de setembro de 2010

Tempo do Amor

Meu relógio para mim mentiu,
ou então meu coração o faz
Um diz que ontem mesmo te viu
outro diz que foi tempos atrás

Paro e penso! O relógio tem razão
ontem estivemos juntos durante todo o dia
Paro e penso, e me diz o coração
se fosse ontem saudade assim não sentiria

O coração do homem é enganoso
mas não sei se é o relógio que me engana
Talvez nenhum deles seja mentiroso

Pode ser o tempo que causou todo o drama
Não por ser falso, nem por ser misterioso
mas porque o tempo é diferente pra quem ama

--
Soneto escrito anos atrás, ainda sem métrica.
Resolvi juntar ao blog para manter tudo em um mesmo lugar.
Penso em reformatá-lo um dia, quem sabe ^^

2 comentários:

Mundo Pittônico das Ideias